Gênero:

Clube de leitura

Clube de leitura no Labtexto

Onde? No Labtexto (sala 13 da Ala Norte)

Quando? Nas segundas-feiras das 12h às 13h20 (com início em 13/10!)

Quem pode participar? Alunos, servidores, professores e comunidade externa, basta se interessar por livros e leitura.

É preciso inscrever-se antes? Não, a atividade é aberta a todos.

Proposta
Encontros de leitores para leitura livre, troca de ideias, sugestões e discussão sobre  livros e literatura. O participante pode trazer seu livro ou pode emprestar do acervo do Labtexto. A dinâmica dos encontros é livre e será estabelecida conforme os interesses do grupo presente.

Objetivos

Incentivar o hábito da leitura  e proporcionar à comunidade escolar um momento e um espaço para a prática da leitura livre. 

Esperamos por você!!! Participe!!!


Coordenação: professoras Elisa Tonon e Gizelle Corso

Dúvidas e sugestões: elisa.tonon@ifsc.edu.br

0 comentários
Gênero: ,

Comunicado oficial II Gincana Literária IFSC

.

Parabéns a todos!


A gincana foi um imenso sucesso e provou a importância destas

"coisas que não levam à nada"





comunicado oficial

   
   A Comissão parabeniza os participantes e agradece às equipes pelo empenho no cumprimento das provas. Foi uma satisfação planejar esse evento e contar com a adesão e o entusiasmo de todos.
   Nossa avaliação é de que esta edição da Gincana foi um enorme sucesso, em termos qualitativos e numéricos e que, mesmo com nossos inevitáveis erros (somos imperfeitamente humanos, buscamos melhorar sempre, mas acreditamos que isso não seja verdadeiramente um defeito).
   Destacamos o fato de que, espontaneamente e sem a contrapartida de “pontos na média” ou “presenças obrigatórias”, tivemos a participação de quase um décimo dos estudantes do ensino integrado do Campus. Isso atesta o excelente acolhimento da Gincana, acolhimento confirmado pelo significativo número de “compartilhamentos”, de “curtidas”, de “comentários” que as postagens receberam. Virtualmente, o alcance da Gincana chegou à casa dos milhares.
   Somam-se aos números, a criatividade e a qualidade dos trabalhos produzidos pelas equipes que nos surpreenderam e confirmaram aquilo que já sabíamos: vocês são demais! Além disso, foi perceptível a leitura e a criação a partir da obra do poeta Manoel de Barros. Por isso compreendemos que a II Gincana Literária foi, sobretudo, um exercício conjunto de leitura e criação, com o qual a poesia ganha vida e as diversas linguagens dialogam. Este resultado é a certeza de que houve uma vitória coletiva, muito mais importante que aquela determinada pela contagem dos pontos.
   Gostaríamos que o lema escolhido para essa II Gincana (“As coisas que não levam a nada têm grande importância”) e tudo aquilo que pudemos experimentar e apreender (menos entender e mais sentir, perceber, desconfiar, cismar) com a leitura dos poemas de Manoel de Barros não seja esquecido. Acreditamos que essa experiência é valiosa e faz cada um de nós mais “rico”.
   Apesar dessa vitória coletiva, sabemos que muitos estão ansiosos por saberem a classificação final das equipes, o que só foi possível informar agora, após o julgamento dos recursos apresentados pelas equipes “Os Alienistas” e “Os Godzillas da Literatura”.
   Salientamos que, apesar da alteração entre os primeiros colocados, conseguimos ampliar a premiação (excursão cultural a Porto Alegre) para que as três primeiras colocadas sejam contempladas, evitando assim prejudicar qualquer equipe.
   Feitas as considerações, apresentamos a classificação final das equipes da II Gincana Literária do IFSC – Florianópolis:

  • 1º. Enseada de Palavras (101,3 pontos)
  • 2º. Os Godzillas da Literatura (94,1 pontos)
  • 3º. Poetas do Nada (93,1 pontos)
  • 4º. Enxame de Barros (91,6 pontos)
  • 5º. Os Alienistas ( 90,8 pontos)
  • 6º. Fraseadores (41,3 pontos)
  • 7º. Os Pássaros (39,6 pontos)
  • 8º. Diplomatas Popofãs (30,3 pontos)
  • 9º. Coração de Tinta (30,0 pontos)

planilha de pontuação final

planilhas das provas


0 comentários
Gênero: ,

Comunicado aos Participantes do Concurso de Contos

Comunicado aos Participantes do Concurso de Contos Poesia e Prosa: Manoel de Barros


   Parafraseando o  “Poeminha em Língua de brincar” (2007) de Manoel de Barros : língua é para brincar!
   Todos que se inscreveram neste Concurso de Contos procederam assim: brincaram com as palavras, construíram mundos, transformaram e surpreenderam, tal a qualidade das brincadeiras que produziram. 
   Agradecemos aos brincantes pelo prazer que proporcionaram aos incumbidos desta difícil, ingrata e desnecessária tarefa: avaliar a brincadeira.
   Quem escreve/brinca sabe,  não importa o resultado, o prazer da diversão é o maior prêmio.  Quando brincamos, só desejamos o Nada, e o Manoel, naquele mesmo poema, nos ensina:  Se o Nada desaparecer a poesia acaba.
   Pena que os recursos não permitiam premiar a todos com o brinquedo desta poesia que está impressa nos livros, tal graça coube a cinco jovens escritores: Mahara Miranda de Aguiar, Gustavo Simas da Silva,  Edilson João de Paula Júnior, Sara Mossmann da Silva e Elem Bernardi Marafigo.
   A pontuação dos contos destes autores está aqui e, juntamente,  trazemos uma boa notícia: em breve, estes textos serão publicados no informativo do Campus Florianópolis e muitos mais poderão participar desta brincadeira.  
   Deixamos aqui um convite aberto para outras brincadeiras e um sincero:
 “PARABÉNS A TODOS!”

Pontuações/Avaliador


0 comentários
Gênero:

RESULTADO DO CONCURSO DE CONTOS

RESULTADO DO CONCURSO DE CONTOS

Decisão muito difícil, muita qualidade! Finalmente, os cinco contos mais bem avaliados pela Comissão Julgadora (em ordem alfabética de pseudônimos):

Sociedade Falida - Ed Garden

O Livro - Josué Fernandes

Lagartixas - Mayara Pendagron

O abandono - Ronaldo Rios

Os Sete - Saint 


Em breve a organização entrará em contato com os vencedores para providenciarem os documentos para recebimento dos prêmios.

Parabéns a todos os participantes!

0 comentários
Gênero:

PROVAS RELÂMPAGO!!!

Atenção equipes da II Gincana Literária!
Estas são as provas relâmpago! Boa sorte!



1 comentários
Gênero:

CICLOS DE LITERATURA E CINEMA: III. "O que é isso companheiro?"


Seguem abaixo os materiais utilizados pela professora Elisa Tonon no primeiro encontro para leitura e análise da obra "O que é isso companheiro?", de Fernando Gabeira.

O encontro faz parte dos Ciclos de Literatura e Cinema, promovidos pelo LABTEXTO, em parceria com o Cine Paredão e Cinema Mundo, ambos da UFSC.








0 comentários
Gênero:

II Gincana Literária


A Assessoria de Português do IFSC (Campus Florianópolis) agradece a visita!



Nos dias atuais, o tempo parece cada vez mais escasso: tudo é urgente!
Raramente conseguimos um tempo para a poesia, os sentimentos... para nós mesmos.
É difícil aprender a ser árvore, pedra, barro...
A missão do poeta será esta: fazer com que enxerguemos, com olhos de ver, a imensidão de pequenas coisas que nos cercam e que dão sentido à existência? 
Compartilhar as lições de Manoel de Barros, ler o mundo, reescrevê-lo todos os dias...  São tantos os motivos desta gincana!
Venha conosco, esperamos que seja uma feliz ventura.



Para ler o regulamento desta viagem, clique aqui.


Para conhecer mais sobre a obra de Manoel de Barros, clique aqui ou, para ter acesso ao material utilizado nos Ciclos sobre Manoel, clique aqui.


Clicando aqui, você acessa algumas dicas e orientações para a MUSICALIZAÇÃO DE POEMAS.


Inscreva a sua equipe e Boa Sorte!



INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

0 comentários
Gênero: ,

Into The Wild


Gênero: Drama
Direção: Sean Penn
Roteiro: Jon Krakauer, Sean Penn
Elenco: Brian Dierker, Catherine Keener, Dan Burch e Joe Dustin, Emile Hirsch, Hal Holbrook, Jena Malone, Kristen Stewart, Marcia Gay Harden, Vince Vaughn, William Hurt
Produção: Art Linson, Sean Penn, William Pohlad
Fotografia: Éric Gautier
Trilha Sonora: Eddie Vedder, Kaki King, Michael Brook
Sinopse: Na Natureza Selvagem é inspirado na história real de Christopher McCandless (Emile Hirsch), um jovem rapaz que abandona sua vida de conforto para buscar a liberdade pelos caminhos do mundo, uma viagem que o leva ao Alasca selvagem e a um desafio supremo. Escrito e dirigido por Sean Penn e Apresentando um elenco de astros, incluindo William Hurt, Marcia Gay Harden, Vince Caughn, Catherine Keener and Halbrook, Na Natureza Selvagem é tão "perturbador, envolvente e impressionante quanto belo". - Joe Morgenstern, The Wall Street Journal.



   Depois de assistir o Into The Wild fico pensando o que eu estou fazendo estudando um monte de coisa que eu não gosto, que servem simplesmente pra passar em uma prova, ou mais que uma, o que estou fazendo com minha vida? Preciso mesmo de um diploma pra sustentar meus luxos e então ser feliz? Eu admiro muito a natureza e assim como Supertramp me encanta essa história de botar uma mochila nas costas e partir em uma viagem para o desconhecido.
   Estamos em um mundo onde famílias querem ensinar seus filhos aquilo que julgam mais importante e correto, porém acabam esquecendo de julgar a si mesmos, vivem em um mundo de traição, mentiras, brigas, falta de educação, divórcios, porém muitos adultos adoram dizer aos jovens aquilo que é certo. Dizer que curso devem fazer na universidade, que esporte devem praticar, que garota namorar, o que vestir, como se comportar.
   Conheço pessoas que tem tudo na vida e não conseguem ser feliz, vivem uma vida de muito conforto viajando durante suas férias e finais de semana, porém quando voltam ao seu trabalho diário são extremamente infelizes, ai me pergunto de que vale isso? Porque temos que ser feliz somente aos Sábados e Domingos? Eu prefiro ser feliz todo dia, muitas vezes conseguimos encontrar felicidade em coisas simples do dia a dia, em estar em algum lugar, em viver, sentir a vida, conhecer pessoas e ter novas experiências.
   O que seria uma loucura para muitas pessoas para Supertramp é algo real e necessário: “você deveria promover uma mudança radical em seu estilo de vida e fazer corajosamente coisas em que talvez nunca tenha pensado, ou que fosse hesitante demais para tentar.”, nos diz o protagonista de “Na natureza selvagem”.
   Acredito, assim como Supertramp, que a busca interior nunca deve acabar, pois ela alimenta nossa alma, traz autoconhecimento, cabe a cada um de nós ter prioridades em nossa vida e saber exatamente o que nos faz vibrar de felicidade, pois talvez sejamos muito mais felizes vivendo de maneira modesta, encontrando beleza e felicidade nas coisas pequenas de nosso dia a dia, do que aprisionados em um sistema que cria todo dia uma nova necessidade de consumo para seus indivíduos. Acredito que muitos valores importantes foram perdidos e outros desvirtuados, precisamos começar a repensar nossas atitudes em meio ao ambiente em que vivemos.
   Quantos de nós já não sentiu em alguma altura a vontade de agarrar numa mochila e viajar pelo desconhecido, deixar para trás o materialismo e as regras da sociedade?

Roberto Prado

1 comentários
Gênero:

CICLOS DE LITERATURA E CINEMA: II. "A gramática expositiva do chão"

   Hoje começaram os encontros para análise e leitura de obras de Manuel de Barros, tema da próxima gincana literária do campus Florianópolis do Instituto Federal.

   Segue, abaixo, o material produzido e utilizado pela professora Daniella Yano!

   Esperamos por você no próximo encontro, dia 21/05!

   Bons estudos!




0 comentários
Gênero:

CICLOS DE LITERATURA E CINEMA: I. "Cronistas do descobrimento"

     Está acompanhando os Ciclos de Literatura e Cinema no campus Florianópolis IFSC? Comente conosco o que você está achando das reuniões! Hoje encerraram-se os encontros para leitura e análise da obra "Cronistas do Descobrimento", de A. Olivieri e Marco A. Villa. Seguem, abaixo, os materiais utilizados pelos professores César Vieira e Gizelle Corso. 
      Dando continuidade a esse mesmo ciclo, no dia 02 de junho será exibido, no auditório da Ala Norte, o filme "O descobrimento do Brasil" (Humberto Mauro, 1937 - 83 min) e no dia 04 do mesmo mês será feito um debate entre as obras cinematográficas e literárias.
        Você não vai perder, não é mesmo?

0 comentários
 
Labtexto © 2012 | Designed by Canvas Art, in collaboration with Business Listings , Radio stations and Corporate Office Headquarters